quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Papa Francisco

2017/01/04 Papa: Diante da dor, palavras de coração, silêncio, gestos e carinho.
O Filho de Deus entrou na dor dos homens, compartilhou e aceitou a morte.
A sua palavra é definitivamente palavra de consolação, porque nasce do pranto.
E, na cruz, será Ele, o Filho moribundo, a dar uma nova fecundidade à sua Mãe
confiando-Lhe o discípulo João e tornando-A mãe do povo dos crentes.


http://br.radiovaticana.va/news/2017/01/04/papa_diante_da_dor,_palavras_de_cora%C3%A7%C3%A3o,_sil%C3%AAncio,_carinho/1283451